domingo, 16 de outubro de 2016

Exercícios sobre próclise, ênclise e mesóclise

1. Identifique as colocações pronominais abaixo: 

a) Já não lhe restava muito cabelo... 
b) Gonçalo olhou-o perturbado.
c) Não, ninguém se lembra de Marisa. 
d) A Gonçalo, todavia, bastava fechar os olhos para voltar a vê-la. 
e) ...com um alheamento pelas coisas do mundo que a fazia parecer imaterial. 
f) Subirá pela escada cheirando a mofo e encontrá-la-á mais linda do que nunca. 
g) Se pudesse, dir-lhe-ia as palavras guardadas que não disse antes.
h) Apetecia ao mesmo tempo protegê-la e ultrajá-la. 

2. Observando os usos acima, diga a qual dessas colocações se referem os itens que seguem. 

a) As normas urbanas de prestígio recomendam seu emprego no início de frases. 
Coloquialmente, não costuma ser empregada. 
É a colocação natural do pronome como complemento. 
Não ocorre com particípios, nem com o futuro do presente e o futuro do pretérito do indicativo. 
É a colocação mais usada com os infinitivos.

b) Só pode ser usada com o futuro do presente e com o futuro do pretérito do indicativo. 
Coloquialmente não se usa no Brasil. 

c) Costuma ocorrer na presença de pronomes relativos, pronomes interrogativos e conjunções subordinativas. 
As negações também são determinantes para a sua ocorrência. 
No início de frase é típica do português falado no Brasil. 



Gabarito:

1.
a) Próclise
b) Ênclise
c) Próclise
d) Ênclise
e) Próclise
f) Mesóclise
g) Mesóclise
h) Ênclise

2. 
a) Ênclise
b) Mesóclise
c) Próclise



Referência: Texto & Linguagem (Editora Escala Educacional)
Imagem: Google

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...