Interpretação de fábula para 7ºano - Quem tem razão? A lebre ou o leão? (assembleia e debate)




Naquela floresta calma e tranquila alguma coisa diferente estava acontecendo. Ouvia-se o som de vozes numa conversa animada como se fosse uma boa discussão. 
— Eu não concordo com o título de que o leão é o rei dos animais – reclamava a lebre, muito nervosa. 
Isso me deixa muito contrariada porque, afinal, ele já leva a fama há tanto tempo e nunca mais alguém propôs uma discussão sobre o assunto. Que tal convocarmos uma assembleia? – propôs a danada aos outros animais. — Seria uma ótima oportunidade de encontrarmos os colegas e discutirmos o assunto. 
— Mas... assembleia? – disse o macaco. — Eu nem sei o que é isso. 
— É uma reunião onde todos os participantes falam e expressam suas ideias de uma maneira organizada e bem educada, isto é, sem ofensas e brigas – explicou a lebre. 
— Tudo bem - concordaram os demais — mas quando? 
— Talvez depois de amanhã, para que haja tempo de avisarmos todos os animais – concluiu a lebre. 
— Ok, está combinado: sábado, embaixo da mangueira e neste mesmo horário, ao nascer do sol — responderam os elefantes. 
—  Até lá, meus amigos! - continuou a lebre, agora mais satisfeita. 
O burburinho era geral, pois, embora o macaco, o tatu, a cotia, a zebra e o papagaio e muitos outros animais tivessem gostado da ideia, eles ainda não sabiam muito bem o que iria acontecer. 
Mesmo assim os convites prosseguiram. Era tatu avisando minhoca e papagaio na casa da arara, todos ajudando a lebre a organizar a tal assembleia. E a cada convite surgia novamente a dúvida. Mas o que será que vamos discutir? Eles não conseguiam saber o que a lebre iria dizer ao leão. 
Bem, chegando o dia e a hora, todos estavam curiosos e agitados. 
Para dar início à reunião, a lebre, como é pequenininha, pediu ajuda à girafa para poder explicar sua proposta lá do alto. 
— Eu, lebre da floresta, tenho uma proposta para vocês. Gostaria de discutir o título dado ao leão como "Rei dos Animais". Este título já foi dado a ele há muito tempo e precisamos voltar a discuti-lo, afinal, os tempos mudaram. Vocês concordam com a minha ideia? 
Os animais se olharam e mesmo meio apavorados demonstraram concordar balançando afirmativamente as cabeças. 
Assim que os animais se manifestaram, o leão soltou um rugido daqueles tão fortes que mais da metade da bicharada saiu correndo de medo. Os outros animais ficaram olhando surpresos para a lebre, esperando o que ela iria dizer. Ela não teve dúvidas. 
— Sr. Leão, o senhor acha mesmo que com esse rugido vai assustar todo mundo e continuar a ser o rei? Pois então vamos lá! 
Chamou de volta todos os animais que tinham fugido e garantiu a eles que ficassem sossegados, pois a conversa estava apenas começando. 
— Já que o senhor tem uma voz tão forte, por que não promovemos um concurso de canto? Quem se candidata? - continuou a lebre. 
Imediatamente um pássaro se apresentou e iniciou a cantoria. Os animais da plateia não paravam de elogiá-lo. Foi um sucesso! 
— Agora é a sua vez, Sr. Leão. 
Ele rugiu tão alto e desafinado como se fosse um disco riscado tocando no máximo volume. Desta vez a plateia não gostou, mas ficou imóvel de medo. 
— Então, meus amigos - disse a lebre - se o rei dos animais fosse escolhido pelo canto, segundo as reações de vocês, o pássaro seria o vencedor. 
— Apoiada, Sra. Lebre – disseram os animais, agora mais satisfeitos e tranquilos. 
— Então vamos a outra prova: 
"Tamanho não é documento" – propôs a organizadora. 
— Essa eu não tenho dúvida de que vencerei – falou o leão. - Quem me enfrentará? Mesmo que seja um elefante grandão e pesado, eu o derrubo em um só golpe, vamos ver. 
— Espere, Sr. Leão – disse a lebre. 
E, para espanto de todos, a lebre convidou uma formiga para participar da prova. Vocês têm ideia do que aconteceu? 
A formiguinha subiu na juba do leão e começou a passear tão de levinho que ele sentiu cócegas e se "derreteu" todo, chegando a deitar-se no chão para curtir o carinho da formiguinha. 
— E, então, Sr. Leão, vamos continuar? 
— Acho que já entendi sua ideia, Sra. Lebre. A senhora quis mostrar aos animais dessa floresta que não devemos achar que somos os melhores em tudo, porque isso não existe. Cada um pode ser bom em alguma coisa, depende do ponto de vista. Certo? – disse o leão. 
Os animais ficaram surpresos e contentes com a fala do leão. Acharam que a lebre foi muito esperta nessa assembleia. 
— Mas, Sra. Lebre, só para terminar eu gostaria de lhe fazer uma perguntinha. 
— Pois não, Sr. Leão. 
— Como é mesmo aquela história da corrida entre a lebre e a tartaruga? 

MARTINS, Valdenise do as cimento. A compreensão da leitura de fábulas. O professor e os desafios da escola pública paranaense. Produção didático-pedagógica.
1. Com base na leitura do texto, explique o que é uma assembleia. 

2. Que proposta foi feita pela lebre da floresta? 

3. Qual frase usada pela lebre indica que ela se interessa em ouvir a opinião dos outros animais? 
> O que você achou da atitude da lebre de procurar conhecer a opinião dos colegas?

4. Retire do texto uma fala de personagem que contenha argumentação. 

5. Releia este trecho do texto: 
“Assim que os animais se manifestaram, o leão soltou um rugido daqueles tão fortes que mais da metade da bicharada saiu correndo de medo”

a) Nesse trecho, o leão usou argumentos? Explique sua resposta. 
b) Em situações reais, há pessoas que, para vencer um debate, agem de maneira semelhante ao leão? 
c) O que você pensa sobre esse tipo de atitude? 

6. No debate entre os animais, alguma personagem demonstra concordar com a opinião de outro animal? Caso afirmativo, transcreva do texto a fala que comprova sua resposta. 

7. Qual foi o assunto discutido pela assembleia dos animais? 
> Houve opiniões diferentes sobre esse assunto? 

8. Em sua opinião, qual foi a melhor "ideia" apresentada na assembleia dos animais? Apresente-a para a turma, Preste atenção nas opiniões dos colegas e procure defender a sua, justificando-a, 

9. Existe alguma relação entre o título do texto e o motivo pelo qual a assembleia foi realizada? 

Importante saber

Assembleia é um evento organizado para as pessoas discutirem tema(s) de interesse coletivo. Durante a assembleia, um grupo de pessoas debate suas ideias, argumentando e defendendo oralmente suas opiniões, Após as discussões, as decisões são tomadas por meio de votação. 
Debate também é um gênero oral organizado para as pessoas discutirem um assunto, dar sua opinião, contestar ou apoiar ideias por meio de argumentos. O debate pode ter um mediador. O papel do mediador é apresentar o tema a ser debatido, organizar a ordem das falas, controlar o tempo de fala de cada um, dar a palavra para a pessoa que tem direito de resposta. No debate, porém, não há votação e tomada de decisões, como ocorre na assembleia. 

10. O conceito de assembleia se relaciona com o conceito de democracia? Discuta com os colegas. 

11. Releia o trecho em que a lebre explica o que é uma assembleia: 

"— É uma reunião onde todos os participantes falam e expressam suas ideias de uma maneira organizada e bem-educada, isto é, sem ofensas e brigas - explicou a lebre."

a) A explicação da lebre está mais de acordo com a definição de assembleia ou de debate? 
b) Há possibilidade de se realizar uma assembleia sem um debate de ideias? Explique sua resposta. 
c) O que falta na explicação da lebre para completar a definição de assembleia, conforme as informações que você leu sobre esse gênero? 

> Complete a fala da lebre com uma das alternativas a seguir. 
I. Nessa reunião, as pessoas brigam muito.
II. Nessa reunião, as pessoas tomam decisões com base nas opiniões discutidas.
III. Nessa reunião, ninguém vota.

12. De acordo com o final do texto, você acha que a discussão foi concluída pelos animais? Houve votação e tomada de decisões? Por quê? 

13. Que outra fábula conhecida foi mencionada no último parágrafo do texto? 

14. As personagens do texto se comunicaram quase só pela fala. Mas há momentos em que a comunicação acontece de outra forma. Copie do texto um trecho que mostre esse fato.

Gabarito

1. Resposta pessoal. 

2. Fazer uma assembleia para rever o título de rei das selvas dado ao leão. 

3. “Vocês concordam com a minha ideia?” 
> Resposta pessoal. 

4. Resposta possível: “Gostaria de discutir o título dado ao leão como ‘Rei dos Animais’. Esse título já foi dado a ele há muito tempo e precisamos voltar a discuti-lo, afinal, os tempos mudaram. Vocês concordam com a minha ideia?” 

5.
a) Não, o leão agiu usando a força de seu rugido para intimidar os outros animais.
b) Resposta possível: Sim, há pessoas que, quando não conseguem convencer o outro a aceitar suas ideias, esbravejam e até mesmo partem para a agressão. 
c) Resposta pessoal. 

6. Resposta possível: "— Ok, está combinado: sábado, embaixo da mangueira e neste mesmo horário, ao nascer do sol — responderam os elefantes."

7.  O direito de o leão ser majestade para sempre.
> Sim, a opinião da lebre era diferente da de outros animais.

8.  Resposta pessoal. 

9.  Sim, a assembleia foi realizada para discutir o título rei dos animais atribuído ao leão, com o eu a lebre não concorda. Os animais foram convocados a dar a opinião deles sobre o assunto e decidir quem tinha razão, se a lebre – que contestava o título – ou o leão – que o ostentava e defendia. 

10. Espera-se que os alunos percebam que sim, pois a assembleia tem a função de discutir os problemas coletivos e decidir sobre eles por  meio de votação; dessa forma, a opinião da maioria é respeitada.

11. 
a) Com a definição de debate. 
b) Não, pois, para tomar decisões e votar, é preciso discutir coletivamente os problemas. Isso normalmente se dá por meio de um debate de ideias. 
c) Alternativa II.

12. Não houve votação. A discussão foi concluída porque o leão fingiu aceitar os argumentos da lebre, mas levantou nova discussão.

13. "A lebre e a tartaruga". Professor, seria interessante perguntar aos alunos se eles conhecem essa fábula. Se algum aluno tiver conhecimento da fábula, poderá contá-la para os colegas. 

14. "Os animais se olharam e mesmo meio apavorados demonstraram concordar balançando afirmativamente as cabeças.".
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...